Indique este site        
 

BOLETIM

Saiba as novidades do site por e-mail e acesse arquivos exclusivos.

E-mail:

 

SUAS CAPACIDADES

Linguagem: indução

O poder das palavras

A linguagem pode ter vários efeitos em nós, como você bem sabe. Temos a capacidade de influenciarmos e sermos influenciados por algo que alguém fala e até pelo que nós mesmos falamos.. Aqui vamos nos restringir à capacidade de sermos influenciados por palavras ditas de certas maneiras, a chamada indução lingüística, para explicar um dos recursos de expansão de inteligência usados..

Induções são textos para ler, devagar e pausadamente, para poder  fazer o que é pedido e... aprender. Pode ser melhor ainda gravar uma fita ou pedir a alguém para ler, com uma música suave ao fundo e  voz macia, enquanto você apenas relaxa e se deixa conduzir. 

A força da indução advém do fato de que as palavras têm o poder de ativar certas representações internas; temos que entender as palavras! Se alguém diz para você "Eu te amo", para entender você tem que necessariamente captar e ativar  internamente representações de amor, isto é, imagens, sons e sentimentos que constituem o significado de amor para você. Se a pessoa está em um estado receptivo e usando-se palavras adequadas, em uma seqüência também apropriada, pode-se provocar mudanças e introduzir novas possibilidades.

Na verdade toda comunicação é uma indução, e a linguagem é um caso particular disto. Se é você que diz "Eu te amo!" para alguém, você altera o que a pessoa pensa e sente, quer ela concorde ou não! Note como é diferente dizer, a respeito de uma mesma situação: "Tenho um problema." ou "Tenho uma oportunidade de melhoria." ou ainda na forma de pergunta: "Como posso tirar proveito desta situação?". Sua mente segue direções diferentes em cada caso. Pelas mesmas razões, e como o pensamento tem uma dimensão de comunicação consigo mesmo, todo pensamento também é uma indução, uma auto-indução. E até mesmo seu silêncio pode ser interpretado e fazer diferença!

Música e tom de voz durante a indução contribuem para que a pessoa que está ouvindo entre em um estado propício. Imagine por um momento como seria estar em uma posição confortável, ouvindo de alguém que gosta, em um tom de voz bem gostoso, palavras positivas e despertadoras de novas possibilidades...

Exemplos de induções no site:

Aprendizagem: Indução do apoio à aprendizagem

Objetivos e decisão: Indução do Sonhador

Indique esta página para um amigo

 

 

 

Copyright 2002- Virgílio Vasconcelos Vilela

Permitida a reprodução desde que citados o autor e a fonte (obséquio dar conhecimento)

 

Virgílio Vasconcelos Vilela